o que fazer em buenos aires

Faz tempo que queria fazer uma série de posts com dicas de viagem dos lugares que visitei. Uma leitora aqui do blog me mandou um e-mail pedindo dicas de Buenos Aires e resolvi aproveitar minha resposta pra iniciar essa série. 
Eu sou super a favor de fazer programa turistão, mas vou tentar ficar longe das coisas muito turísticas porque isso é fácil de encontrar por aí. Não que eu seja uma insider de Buenos Aires, mas enfim... Espero que gostem e que seja útil para quem esteja planejando conhecer a cidade em breve :) 
E aí que estava pensando em coisas legais para indicar e cheguei a conclusão que essas poderiam ser todas feitas em um mesmo dia e resultaria num domingo porteño perfeito. Isso é só uma sugestão.
Comece o dia no Cemitério da Recoleta. Sei que tem gente que tem medo, mas apesar de ser um passeio super tétrico, aquele lugar tem uma paz... Não perca os túmulos de Eva Perón e de Liliana Szaszak. Esfregue a ponta do focinho do cachorro de Liliana, dizem que dá boa sorte. Dá pra se perder um pouco nos corredores e admirar a arquitetura das abóbodas. Já fiz um post sobre o cemitério aqui
Bem perto do cemitério tem um restaurante ótimo chamado El Sanjuanino, que faz as melhores empanadas (tipo um pastel assado) que já comi. Se gostar, peça uma Quilmes junto para fechar o almoço bem típico :)
Antes de seguir para o próximo destino, com mais 15 minutos de caminhada ainda dá pra estender o passeio para a Floralis Generica, flor de aço que fica no meio da Plaza de las Naciones Unidas.
Depois disso migre para a feira de San Telmo, que funciona somente aos domingos (motivo de eu ter escolhido esse dia). É uma feira de antiguidades a céu aberto. Além da feirinha, tem vendas de artesanato e várias lojinhas legais, em especial a L'ago que é cheia de coisinhas moderninhas para casa. Foi lá que comprei um quadrinho querido que aparece nesse post. Se você é fã da Mafalda, ainda dá pra encontrar o banco onde ela habita e tirar uma foto com essa linda. Coma um choripã por mim no buraco da parede. É uma micro garagem que fica na rua da feira onde os caras fazem essa iguaria argentina que não é nada mais nada menos que: pão com linguiça. Sem glamour nenhum. Como não amar?
Depois desse passeio longo eu voltaria para o hotel para descansar e provavelmente sairia para jantar mais tarde. Essa é uma grande vantagem de Buenos Aires: a maioria dos restaurantes fica aberto até bem tarde então dá pra descansar depois dos passeios e ainda sair pra jantar numa boa.
Apenas uma observação: a fonte que usei na montagem não tem acentos, por isso os "erros" :)

O horário que o Puerto Madero fica mais bonito é no pôr-do-sol. Tem um navio/barco museu por ali, achei bem interessante. Minha mãe não quis ir e ficou tirando fotos minhas do lado de fora. Fui lá pra ponta do navio e fiquei fingindo que estava navegando, que eu era a Rose do Titanic, enfim... Infinitas possibilidades de brincadeiras idiotas. Sou eu ali, minha gente.
Nunca fui em nenhum dos restaurantes do porto, mas meu instinto me disse que eles são estilo "caça turista" - comida ruim e cara. Dei uma pesquisada e parece que tem um ou dois que se salvam, acho que deve ser bem legal jantar por lá.
Buenos Aires é muito conhecida pelo tango. Você vê pessoas dançando em todos os lugares. Mas o que eu mais gostei foi a milonga de La Glorieta, em Belgrano. Lá pessoas "comuns" dançam tango num coreto (é tipo um quiosque). Tudo de graça. Eu não tive coragem de entrar pra dançar, mas qualquer um pode. Você vê homens e mulheres saindo do trabalho com roupas sociais, tiram da bolsa ou de uma sacola um sapato de tango e se metem no meio do pessoal pra dançar. Tem casais de velhinhos, gente que não sabe dançar, gente bonita. Em uma praça no meio da cidade, assim, do nada. Foi um dos momentos mais especiais que tive em Buenos Aires. São de lá as fotos desse post. O blog viajenaviagem fez um post bem completo sobre o lugar
Aliás, vocês conhecem o blog viajenaviagem? É ótimo para quando se planeja uma viagem, tem bastante dica útil por lá. 
Achei o museu MALBA incrível: pequeno e com obras muitíssimo bem selecionadas. É lá que está o Abaporu, juntamente com Frida Kahlo e Botero. Tem também umas obras e instalações bem moderninhas,  como esse carinha engraçado e essas bolotas de vidro multi dimensionais. E tem também eu ali fazendo careta pra vocês. Amo a Frida e foi muita emoção finalmente ver um quadro dela pessoalmente. Eu tentei caçar ela em todas as viagens que fiz, mas por puro azar nunca tinha visto conseguido ver ao vivo.
El Ateneo é uma rede de livrarias estilo Saraiva ou FNAC, mas tem uma delas que é especialmente incrível, porque fica em um teatro antigo. É bonito demais, você fica com vontade de morar lá no meio dos livros.  Achei que vale a visita. Já vi esse lugar muitas vezes em listas de livrarias mais bonitas do mundo e similares. Emoção. Veja mais sobre aqui.
Se eu tivesse que escolher apenas um dos lugares bem turistões para visitar eu diria o Caminito. Fiz post sobre aqui.
No mais:
- O melhor jantar da minha vida foi em um restaurante de Buenos Aires chamado Aramburu. E eu já fui em alguns restaurantes bem renomados por aí. É caríssimo (em torno de 150 reais - 340 pesos - por pessoa), mas se você é um amante de comida como eu e não se importa de pagar caro em uma refeição sensacional, acho que vale a visita. É em um lugar meio nada a ver e tem que reservar, mas conseguimos reserva para o mesmo dia (e acho que era uma sexta) então acho que deve ser tranquilo. Eles tem site próprio.
- Quase não fiz compras por lá, mas recomendo esse blog para dicas de lojas (e também de turismo).
Obs.: Eu não sou especialista da cidade. Essas são apenas minhas impressões do pouco tempo que fiquei lá. Pelo amor de Deus, façam sua pesquisa e tirem suas próprias impressões antes de decidir ir em algum lugar que recomendei.

Comentários

  1. Ai como eu amei esse post!
    Super dicas, com certeza irei utiliza-las um dia haha
    Minha mãe já foi para Buenos Aires, disse que as comidas são super caras por lá! :~ hauha
    :*

    ResponderExcluir
  2. "coma um choripa por mim" kkkk amei
    adoro o jeito que você faz as colagens das fotos <3 é muito lindo!
    esses dias minha amiga esteve por buenos aires, adorei ver esse post agora pq me deu mais vontade de ir! favoritei pra ler de novo quando eu realizar esse sonho hahah beijos!

    ResponderExcluir
  3. Tu sabe que eu levei cerca de cinco anos para descobrir que empanadas e choripã eram comidas argentinas? Elas eram tão comuns em algumas cidades que morei, que eu jurava serem coisas da fronteira :) mas tu tem toda a razão, o choripã é uma coisa tão simples (e gostosa) que fica impossível não se apaixonar por ele! <3
    Fiquei curiosa com uma coisa, a música que o pessoal dança em Belgrano é tango ou alguma coisa parecida com a nossa milonga?

    ResponderExcluir
  4. buenos aires deve ser ótimo mesmo, acho o caminito lindo! e as feiras...ah! as feiras ;)

    ResponderExcluir
  5. Eu tenho muita vontade de conhecer Buenos Aires. Parece ser uma cidade linda.
    Vou salvar esse post nos favoritos para consultar quando der certo de viajar!
    Beijos, Aline
    http://24diasdeprimavera.wordpress.com

    ResponderExcluir
  6. Tenho uma irmã que tem verdadeira paixão por Buenos Aires e acho que ela tem motivos de sobra... lindo!

    Um beijo, Re Vitrola

    ResponderExcluir
  7. Isso é absolutamente maravilhoso! Sempre quis conhecer Buenos Aires e esse teu post vou deixar salvo na vida. Tomarei nota de tudo e espero até o fim do ano poder realizar esse sonho. Simplesmente amei!

    ResponderExcluir
  8. Elise Mello: sério? sabe que eu não achei não? esse restaurante que a gente foi é caríssimo, mas no geral os preços competem com os daqui... sei lá! hahaha

    Vanessa: choripã é sucesso! obrigada pelo reconhecimento, fiquei tipo 2 horas fazendo essa primeira colagem hahaha #fail. espero que consiga realizar logo seu sonho de ir pra bs as :)

    Elena: guria, nem me fala! comigo são comidas alemãs. minha vó fez fazia e eu achava que era comida de vó e depois descobri que passei a vida comendo pratos típicos alemães! hahaha comeria 18 choripãs nesse momento, to com muita fome, hahaha. eu não sei o que tu quer dizer com "nossa milonga" :/ hahaha me pareceu tango!

    Mari: né, feiras é o mais legal das viagens! hahaha

    Aline Amorim: tomara q vc consiga conhecer logo ;*

    Mulher Vitrola: com certeza, a cidade é super apaixonante :)

    Antônio LaCarne: eba, tomara que você consiga realizar esse sonho logo! é impossível não amar a cidade :)

    ResponderExcluir
  9. Li esse post e me imaginei com -finalmente- grana para viajar à Buenos e dançar tango. Que saudade desse tempo que ainda nem chegou.

    ResponderExcluir
  10. Oi Cacá! Que amor que vc escreveu sobre Baires.

    Acho super bacana saber a opinião das pessoas quando visitam a cidade!

    Adorei sua visitinha lá no blog.

    Beijão, querida!!!

    ResponderExcluir
  11. Adoro as tuas dicas, Cacá ♥

    ResponderExcluir
  12. FInalmente li o post e só posso te agradecer, novamente, pelas dicas, Cacá! Muito obrigada mesmo. Você é uma linda!

    Pale September

    ResponderExcluir
  13. Cacá, belo post de Buenos Aires, é mesmo uma cidade incrível! Se você for voltar algum dia ou for falar pra algum amigo, sugira também um restaurante chamado Las Cabras, em Palermo. Meu deeeeeeeeeeeeeeus, a comida é INCRÍVEL e os pratos não passam de 40 pesos! Porção bem grande! Tem que chegar bem cedo ou até mesmo fazer reserva mas vale a pena. Não tem site, pois é muito simples, mas taí mais uma dica dessa cidade incrível. Belo blog! Beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

infelizmente o blogger não tem uma plataforma muito boa de comentários, então se alguém tiver algum interesse em ver minha resposta tem que voltar aqui no post. Procuro responder todos!
Obrigada pelo feedback!!