Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2014

outubro 2014: o que teve

Todo final do mês tento fazer um post com uma pequena retrospectiva das coisas que aconteceram. Se alguém quiser aderir à brincadeira, fique a vontade. Eu divido em coisas que assisti, li e ouvi, mas vocês podem adicionar qualquer coisa. Veja os outros posts da série aqui.
Assistindo: Frances Ha. Muita gente que eu gosto indicou esse filme e eu não sei porque demorei tanto pra assistir. Achei ótimo, real e sincero. Eu até ia fazer um post especial aqui para esse filme, mas aí me lembrei dessa resenha perfeita do blog So Contagious (que na verdade foi o que me fez ficr com vontade de ver o filme pela primeira vez) e decidi me limitar à minha insignificância. 
Lendo: Troquei o Poirot pelo Maigret. Migrei de Agatha Christie para George Simenon. Alguém lê e gosta? Aliás, alguém tem alguma indicação de romance policial bom? Já li quase todos da Agatha e está difícil encontrar os que eu não tenho :~
Ouvindo: Nada em especial.

tbt: nova york

Algumas fotos de Nova York quando visitei a cidade no ano passado. 
Brooklyn, eu sinto mais saudades de ti do que de Nova York no geral. Sorry not sorry.
Esse gato obeso mora dentro de uma loja de discos. Se um dia voltar à Nova York vou visitá-lo de novo :)
 Meu reino por um desses.
Meu reino por um apartamento em um desses prédios.
O que eu mais gostei de ter aderido ao projeto Throwback Thursday é ficar vendo fotos antigas de momentos que gosto de relembrar. Não que eu precise de muito para isso, eu posso ou não posso perder boas horas da minha vida revendo fotos.

blog design: actions para Photoshop

Actions são grupos de ações gravadas aplicadas a uma imagem no Photoshop. Tem milhões de artigos por aí que falam sobre o que é action e como usar: gostei muito desse post do Depois dos Quinze, que está bem explicadinho.
Já me perguntaram aqui no blog se eu uso algum filtro ou action nas minhas fotos. Eu sempre edito minhas fotos do mesmo jeito, então acabei criando algumas actions para usar. É legal porque você não precisa ficar fazendo mil vezes a mesma coisa: você edita uma imagem, grava a maneira como você editou e depois é só usar essa gravação em cima das outras. Já tentei manter uma padronização de edição no blog, mas a verdade é que algumas funções funcionam para algumas fotos e outras não.
Você encontra por aí milhões de actions para baixar, mas acho a maioria um pouco exagerada, deixam as fotos com muita cara de filtro do instagram, sabe? Então decidi disponibilizar para download aqui as actions que mais uso, criadas por mim.
Action 1: é a que mais tenho usado ultimamente, é uma mudança bem sutil mas acho que faz diferença. Ela realça os tons claros e deixa tudo com uma aparência mais "fria". Eu não sei explicar o porquê, mas tenho a impressão que deixa as fotos com uma cara de filme antigo. Usei nesse post aqui.
Action 2: essa também uso bastante. Dá uma cara mais fofinha para as fotos. Quase nunca uso essa action em fotos muito escuras ou com bastante preto, pois deixa a cor preta com um aspecto estranho. Usei nesse post aqui.
Action 3: acho que essa é a mais sutil de todas. Geralmente uso ela quando acho que a foto original está boa mas não consigo descobrir o que falta. Hahaha. Me parece que ela apenas realça a foto de uma maneira geral.
Como todos podem ver, sou péssima pra descrever as actions. Então fiz exemplos com fotos variadas para vocês entenderem o que eu quis dizer:
Agora, o que mais faço na verdade é misturar as actions. Sim, você pode usar uma por cima da outra. Eu sempre vou testando e vendo o que fica melhor.

Na primeira imagem usei a action 1 combinada com a 2 e na segunda imagem usei a 3 e a 2.
Outra coisa que também dá pra fazer é usar a mesma action várias vezes.
Sabendo dosar e dependendo da estética que você está buscando, pode ficar bem legal..
Espero que gostem :)

eu e você você e eu juntinhos

Às vezes quando passeio com o cachorro faço um caminho bem mais longo só pra passar por uma casa. A casa é bem antiga, mas toda a fachada, que devia ser linda, foi coberta por azulejos bagaceiros. Não tem nada de especial. O que tem de especial é que todas as vezes que passei na frente dela estava tocando Tim Maia muito alto.
Me divirto imaginando os motivos dessa pessoa passar todos os dias da sua vida ouvindo Tim Maia. Será que ela tem uma doença raríssima e vai morrer se parar de ouvir Tim? Será que é o fantasma do Tim tentando reviver sua música há tanto esquecida? E, minha preferida, será que o dono da casa morreu ali dentro enquanto ouvia Tim Maia, ninguém nunca foi ver o que tinha acontecido e o disco está há dez anos tocando em um looping infinito? Consigo até imaginar um esqueleto dançando lá dentro.
No final de semana decidi fazer o mesmo caminho. Quando já conseguia ouvir a música e avistar a casa, percebi que a porta e as janelas estavam abertas pela primeira vez. Eu não tenho escrúpulos e espio para dentro das casas na cara dura.
E eu vi a voz contagiante do Tim Maia sair de um 3 em 1 da Gradiente e um casal de velhinhos dançando no meio da sala.
Eu e você, você e eu juntinhos.
:~
Não sei o que dizer/pensar e só quero chorar/rir.
Contagie-se você também.

TBT: Floripa

Que rico projeto chamado Throw Back Thursday onde você pode postar coisas velhas fingindo ser intencional quando a verdade é que você produziu ZERO conteúdo recentemente.
Em 2010 fui a Florianópolis passar o carnaval em uma casa que não existe mais com amigos que não existem mais são mais amigos. Estranho.
Uma amiga da minha mãe emprestou a casa de praia dela e a gente foi meio sem esperança, só muito felizes por ter uma casa para ficar, já que pretendíamos acampar a previsão era de chuva. Chegamos lá e essa era a vista:
Lembro que os dias intercalaram entre lindos e chuvosos e todo mundo ficava triste porque chovia e eu gostava mais porque podíamos ficar em casa rindo, bebendo e jogando conversa fora.
Um dia pegamos um ônibus até a Praia de Naufragados porque nenhum de nós nunca tinha ido. Chegando lá descobrimos que para chegar na praia precisávamos pegar uma trilha de 2 horas. Eu tenho um sentimento de amor e ódio por trilhas: amor porque é sempre tão lindo aquela natureza te sufocando e ódio porque a natureza te sufoca.
Quem já foi ou mora em Santa Catarina sabe que os cachorros são muito simpáticos: esse morava na beira da praia e demos um carinho para ele e ele ficou com a gente o tempo todo, nos escoltou até o barco depois e só faltou dar tchauzinho e dizer voltem sempre. Um dia fiz amizade com um no caminho do mercado, ele foi comigo até lá, me esperou na porta e me levou até em casa depois. Juro. 
 Voltamos de barco e foi muito mais legal do que a trilha.
Essa era a casa: chorando com a varanda e a vista para o mar. A casa ficava na praia com a maior produção de ostras do Brasil. Meio inútil para banhos, mas ostras a preço de banana. Eu amo ostras. E não só você podia comer ostras a preço de banana, como você podia gritar "PORÇÃO DE OSTRA!!" para os garçons do restaurante da frente, lá da varanda da casa, e eles iam lá levar. Juro também.
Ah, para registrar que em 2010 emos ainda eram um problema de saúde pública. Graças a Deus eliminamos essa praga. Hahaha.
Fico triste pensando que essa viagem nunca mais vai se repetir porque a casa foi vendida e os amigos foram perdidos.
Obs.: eu posso ou não posso ter demorado pelo menos 01 ano para entender o significado de #tbt.
Obs2.: eu era emo.

whatever

Tirei essas fotos faz um tempão e não sei muito bem o que falar sobre elas. Vamos encher linguiça? Vaaaamos!
Rosebud Salve não é tão bom quanto o Eos de morango, que não é mais bonito que o lip balm de coelhinho, que não é tão bom quando o Rosebud Salve.
Eu realmente não sei porque tirei essas fotos.
Eu devia estar em um momento Pollyana, OLHA QUANTA COISA LINDA EU POSSUO, VOU FOTOGRAFÁ-LAS PARA REGISTRAR O QUANTO MINHA VIDA É LINDA E COLORIDA. Definitivamente estou em outro momento agora. 

receita: bolo de chocolate vegano da Bela Gil

Faz tempo que estou querendo rever um filme mexicano chamado "Como água para chocolate" e, quando pesquisei por chocolate na programação da minha tevê, apareceu tudo menos o filme. Foi ali que encontrei essa receita de bolo vegano de chocolate. Fiquei curiosa porque nunca tinha feito nada vegano, sou doidinha da manteiga, huhuhu. Quem cozinha é a Bela Gil, do programa Bela Cozinha, que é nutricionista, uma linda e doidinha da dieta macrobiótica e da alimentação saudável. E também é filha do Gilberto Gil. Mas eu dou zero fucks para tudo isso e só decidi testar porque a cara do bolo era ótima.
Né?
A Bela tem um site bem legalzinho cheio de outras delícias, mas o vídeo dessa receita específica está aqui. Vou colocar a receita aqui de qualquer forma para quem tem preguiça de assistir. 
O que é a cremosidade dessa cobertura? <3

Assim, essa receita rende 2 bolos grandes, a gente comeu em 6 pessoas aqui em casa e ainda sobrou bastante. Acho que dá tranquilamente para fazer metade da receita se a idéia é fazer um bolo menor. 
Outra coisa é que essa cobertura é tipo uma das melhores coisas que já comi. Sabe quando você lê uma receita e pensa "isso não vai dar certo". Pois é, deu certo e eu gostei muito, achei melhor até que ganache, por exemplo, que sempre foi meu tipo de cobertura preferido. Eu usei o ágar-ágar porque sou dedicada e fui até a lojinha de produtos naturais comprar, mas acho que a gelatina incolor fica tão gostosa quanto.
Então segue a receita.

Para a massa:
3 xícaras de farinha de trigo integral
1 xícara de farinha de trigo branca
4 xícaras de água
1 xícara de cacau em pó
2 xícaras de açúcar mascavo
1 colher (sopa) de fermento em pó
1 colher (sopa) de canela em pó
1 colher (sopa) de vinagre de maçã
1/2 xícara de óleo de coco
1/2 xícara de azeite
1 pitada de sal

Primeiro, pré-aqueça o forno à 180°C e unte duas formas.
Misture os secos (farinhas, cacau, açúcar, fermento, sal e canela) em uma tigela grande e os líquidos (óleo de coco, azeite, vinagre e água) em outra menor. Depois vá misturando os líquidos na tigela com ajuda de uma colher.
Divida a massa igualmente entre as formas e coloque para assar. Deixe o bolo quieto nos primeiros 30 minutos e depois vá espetando com um palito. Quando o palito sair seco, está pronto. Tire do forno e deixe esfriar para desenformar. 

Eu usei duas fôrmas de 23 cm, mas achei que podia ter usado menores para os bolos ficarem mais alto. Ah, também não tinha 2 xícaras de açúcar mascavo então completei o que faltava (+ ou - 1/2 xícara) com açúcar cristal. Também fiquei meio assim de usar óleo de coco, pelo simples fato de que óleo de coco por aqui é muito caro e não queria gastar muito em uma receita que não sabia se funcionava. Então coloquei óleo de canola mesmo. Deu tudo certo.

Para a cobertura:
 4 colheres (chá) de ágar-ágar ou gelatina incolor
 2 xícaras de água
 3/4 xícaras de cacau em pó
 1 xícara de açúcar mascavo
 4 colheres (sopa) de melado de cana
 1 pitada de sal

Faça a cobertura enquanto o bolo assa.
Misture todos os ingredientes em uma panela e leve ao fogo alto. Quando começar a ferver, diminua o fogo e deixe cozinhar por dois minutos, sempre mexendo. Coloque em um pirex e leve para a geladeira por pelo menos 30 minutos. Fica com uma consistência igualzinha à gelatina. Quando estiver bem durinho, corte em pedaços e bata no liquidificador ou processador de alimentos. Recheie e cubra o bolo com essa pasta :)
Veredicto: o bolo é delicioso. Acho que vou ali fazer mais um, beijos.

setembro 2014: o que teve

Todo final do mês tento fazer um post com uma pequena retrospectiva das coisas que aconteceram. Se alguém quiser aderir à brincadeira, fique a vontade. Eu divido em coisas que assisti, li e ouvi, mas vocês podem adicionar qualquer coisa. Veja os outros posts da série aqui.
Assistindo: True Detective. Eu já tinha falado aqui sobre, mas finalmente assisti a série até o fim. Gente, o que foi aquele fim? Alguém assistiu? Eu achei ótimo, mas deixou muitas coisas sem explicação. Ou eu que sou burra e não entendi? Hahaha, cheguei a ler diversos artigos sobre a série para entender melhor. Enfim, torcendo para que saia a segunda temporada.
Lendo: Garota Exemplar, de Gillian Flynn. Adorei e agora estou só esperando a estréia do filme. Achei o trailer bem promissor. Tenho um perfil no skoob, caso alguém queira me seguir e trocar figurinhas literárias <3
Ouvindo: Namorado tocando Bowie no buteco, é pra fincar o nomezinho dele no meu coração né, tipo nunca mais sair. 

Sou groupie do boy, beijos.
(ah, se o vídeo não aparecer clique aqui)